Nunca seja a mala de ninguem



Manter o equilíbrio em dias tão cheios de surpresas não é nada fácil, ou nunca foi fácil. 
Nós somos aquelas pessoas que precisamos dar um jeito ou angariar forças para não descer do salto principalmente em determinados lugares onde temos o dever de dar o exemplo. 

Sabemos que a vida não é somente mar de rosas, que precisamos muitas vezes fazer um esforço danado para não sair do serio, principalmente quando descobrimos que investir na paz interior é o caminho.

Em todos os lugares existem aquelas pessoas que gostam de se atravessarem no caminho das outras e se deixarmos a imaginação correr solta vamos achar que estamos sendo perseguidos.

Alguns chamam essas pessoas de provas, outras chamam de lutas, outras de mala, e eu mesma já as chamei de obsessor. 

O pouco entendimento das coisas não me permitia entender que em todos os lugares existem pessoas que fazem questão que nos caminhemos com as pernas delas pela vida afora sendo que  temos duas pernas e sabemos andar.



O pouco entendimento também me dizia que essas pessoas só existiam nas igrejas ou em determinado circulo religioso.

A pessoa vai chegando todo meloso e carente do amor de Deus e quando menos espera encontra bem na  frente alguém que veio exclusivamente para nos salvar.

E igualmente a um general se coloca na nossa frente e de cara joga na nossa cara todos os nossos pecados e que de maneira nenhuma vamos pro céu.

E a pessoa que já era um tico de gente diante desse general implacável passou a ser um tiquinho de nada.

Existem pessoas que acham que possuem o poder de enviar outras para o céu.
Esse céu que muitos acreditam existir alem do horizonte sendo que o céu começa dentro de nós mesmos.

O certo é que temos por obrigação, ou o dever de sermos solidários uns com os outros. Pelo menos com uma palavra ou uma oração. Mas nunca vigiar a pessoa dia e noite e carrega-la nas costas. Pois nem mesmo Jesus fez isso.

Ate hoje não se tem noticia nenhuma de que Jesus carregou alguém no colo.
Que eu saiba Ele ensinava e mandava a pessoa ir e não pecar mais.

Existem pessoas que nos vigiam o dia inteiro pra saber se estamos pecando principalmente quando nos tomam para afilhados ou tutelados ou filhotes sem rumo e sem prumo.

O que quero dizer nessa postagem é que devemos aprender a fazer a nossa parte independente de qualquer coisa, fazer a nossa parte.
Porque no momento das horas amargas da nossa vida precisamos está fortalecidos para encontrarmos o caminho certo e saber fazer as escolhas certas baseados nas nossas experiências.

Autor: Maria de Lourdes (Emedelu)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem vindo (a) ao meu blog!